❝ Vá sempre além do que é esperado ❞

Fintech Xerpa brasileira com foco em RH recebe aporte de US$ 13 milhões

Fintech Xerpa brasileira com foco em RH recebe aporte de US$ 13 milhões
30 set 2019

Xerpa oferece a empresas serviço que permite adiantar salários de funcionários. Cofundador do Nubank é um dos acionistas


Xerpa, fintech brasileira que oferece serviços financeiros conectados com recursos humanos, anunciou nesta semana que recebeu um aporte de US$ 13 milhões, em uma rodada de investimentos liderada pela Vostok Emerging Finance, fundo de investimento com foco em fintechs e mercados emergentes. As informações são do Estadão.

Nubank vale mais de US$ 10 bilhões

A Xerpa foi criada em 2015 e um dos seus objetivos é fornecer um sistema que permite que empresas antecipem pagamentos para seus funcionários com base no número de horas trabalhadas até o momento, naquele mês. O modelo da Xerpa é inspirado em plataformas estrangeiras como a britânica Wagestreamdo e a mexicana Minu, que têm propostas similares.

David Velez, cofundador do Nubank é um dos acionistas da Xerpa, que conta com clientes como o próprio Nubank, além de Mercado Livre, iFood, Creditas e QuintoAndar.

Fintech Xerpa brasileira com foco em RH recebe aporte de US$ 13 milhões

Fintech Xerpa brasileira com foco em RH recebe aporte de US$ 13 milhões

Alexis Koumoudos, sócio da Vostok explica que o sistema da Xerpa pode ser útil para evitar que funcionários tenham que usar cheque ou cartão especial, que possuem juros altos e por esse motivo, podem ser prejudiciais. “É perfeito para o Brasil, onde dezenas de milhões de pessoas recorrem a produtos de crédito predatórios”, disse Koumoudos ao Estadão.

Share This
× Como posso te ajudar?